Início » Adriane Mitter

SINAIS DE CASAMENTO AFUNDANDO - PARTE 2

Olá Confiantes, tudo bem com vocês? No texto anterior, eu postei sobre sérios sinais de perigo, que mostram perigo para o casamento. E hoje eu vou continuar falando dos sinais que mostram que seu casamento pode estar afundando.


Pouco ou nenhum sexo: Se a intimidade virou coisa do passado, se você, ou seu par demonstra total falta de desejo de interagir sexualmente, algo está profundamente errado.


Desleixo: Desleixo é diferente de vestir-se confortavelmente, quando o cônjuge não se importa mais com a aparência, em se arrumar um para o outro, é sinal de que algo mudou no íntimo dele.


Distração: É comum em um casamento problemático que os cônjuges busquem distrair-se ao invés de conversar sobre determinados assuntos que inevitavelmente levam a uma briga ou toca em sentimentos ou arrependimentos íntimos.

O velho problema: Brigar uma vez e outra e mais outra sobre o mesmo problema, sem que se chegue a uma solução. O que faz do cônjuge refém do passado, de um erro impensado ou de algo que disse.


Outra pessoa: Você se pega pensando em outra pessoa ou até mesmo já pensou em ter um caso com alguém.

O caminho, embora as coisas pareçam muito ruins a este ponto a boa notícia é que seu relacionamento não está fadado ao divórcio. Muito provavelmente, você só precisa descobrir onde está o problema e corrigi-lo, para isso é necessário tomar coragem e iniciativa. Seja honesta, fale sobre o que está sentindo e a sua visão da situação sem acusações ou cobranças.


Mostre preocupação com o casamento e com seu par, pergunte o que poderia fazer para que o outro seja mais feliz.

Mude suas atitudes primeiro, cada um deve avaliar sinceramente onde está falhando, não se deve presumir que a culpa é só do outro. Encontre tempo para conversar todos os dias nem que seja por alguns minutos e inicie uma conversa. Pergunte se o outro está bem, se poderia fazer algo por ele, compartilhe algo engraçado ou interessante do seu dia.


Riam juntos pelo menos uma vez ao dia, lembrem-se do que fazia seu cônjuge rir no tempo do namoro e reaviva isso.

Procurem ir dormir no mesmo horário e tirem um tempo, nem que sejam alguns minutos para demonstrar afeto. Prometam um ao outro tentar mudar aquilo que contribui para se afastarem. Se for o caso, ou seja, se vocês não estão conseguindo se entender apesar de todos os esforços, busquem uma terapia de casal. Você pode até estar pensando agora em se separar, depois de ouvir todos esses sintomas de que o casamento não está indo bem, e ver que eles coincidem com o que acontece com o seu casamento. Mas não há nada mais triste que desistir sem tentar.

CONFIEE®. Todos os direitos reservados 2020 | Ribeirão Preto | SP | Brasil